Pesquisar neste blogue

Arquivo do blog Vale dos Duros - O ENDURO em Vale de Cambra

segunda-feira, 30 de abril de 2012

2º Enduro de Chaves é já no próximo fim de semana

Chaves irá acolher já no próximo fim de semana mais uma ronda do Regional de Enduro Norte, 6 de Maio.


Esta será a segunda edição do Enduro de Chaves, após em Dezembro passado esta bonita cidade transmontana, ter apresentado as suas excelentes condições para a pratica da modalidade aos mais de 200 pilotos que participaram na prova.

A organização da prova está cabo da equipa que organiza o "Chaves Puro & Duro" e que também já deu provas no ano passado que tem vontade e sabe preparar uma boa prova de Enduro do Campeonato Regional e não só.

Podem também obter mais informações sobre a prova e inscrições em www.meliciasteam.com.

Fica o convite para visitarem Chaves no próximo fim de semana e assistirem a mais uma grande festa do Enduro amador, onde são já esperados mais de 200 pilotos, entre os quais estarão novamente as senhoras em competição, estando já prometida uma animada luta pela vitória da classe.

Para agora ficam com o melhor da prova de 2011.

1º Enduro de Chaves - CREN 2011
 

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Enduro Code "Open Days" - Highlights


Pequeno resumo do que foi a primeira edição do "Open Days" no centro de estágios de Enduro em Ferreirinha Gondomar. ENDURO CODE.

terça-feira, 24 de abril de 2012

Renato Silva marcou presença em mais uma prova de MX

Vejam o video da prova do Campeonato Regional Centro-Sul 2012 - Ponte de Sor.

Husaberg marcou presença em Open Day – Enduro Code



Decorreu no passado sábado na localidade de Ferreirinha – Gondomar, o 1º Open Day do Enduro Code. Com o intuito de dinamizar e mediatizar este centro de estágio/escola de enduro, Melicias e companhia tomaram a iniciativa de juntar nas suas instalações alguns amantes do desporto offroad. O dia foi composto por um enduro juvenil durante a manhã, test-drive de modelos Husaberg, sendo também possível ver outras marcas e modelos durante o resto do dia. Existiram diversos stands de equipamentos, materiais diversos relacionados com a modalidade e a empresa de assessoria desportiva Evo-press que proporcionou a visualização de bonitas imagens internacionais relacionadas com Enduro. Além de todos os “momentos” acima citados, não poderemos esquecer a deliciosa sopa-da-pedra oferecida ao almoço pela organização.

Destaque para a presença da escola de Enduro Turres Off Road que além de se apresentar no enduro juvenil ao mais alto nível com dois pilotos aos comandos de Husaberg TE125, ainda disponibilizou vários modelos da marca sueca para teste.

Paulo Miranda como representante máximo da escola de enduro sediada em Torres Vedras, bastante satisfeito comentou: “Marcamos presença no Enduro Code com dois alunos para a competição de enduro juvenil e os mesmos superaram as expectativas. Em relação aos test-drive, são essenciais para que o publico conheça as Husaberg e possa sentir a qualidade das mesmas. Este tipo de iniciativas são de apoiar e o Paulo Moreira está de parabéns”.

Turres Off Road contou com o apoio de João Vigário em representação da Husaberg Portugal. Depois de um atarefado mas bastante produtivo dia, comentou: “Sem duvida que com a ajuda do Paulo Miranda conseguimos mostrar todos os pontos positivos das Husaberg. Tivemos oportunidade de andar com as mesmas em diversos “cenários” e todos os presentes adoraram os modelos. Ao longo deste ano esperamos marcar presença em outras iniciativas semelhantes”.

As acções de esclarecimento e teste drive da Husaberg irão continuar à vossa procura e a próxima será já no próximo dia 1 de Maio por altura do I Endurocross Cidade de Coimbra. Aparece, estaremos à tua espera!

Texto: Husaberg Portugal
Fotos: Evo-press

A Turres Offroad esteve no Open Days do Enduro Code


A Turres Off Road  escola de Enduro pôs à prova os seus alunos e os resultados foram positivos.


No passado fim de semana nas instalações da Enduro Code, os pilotos Francisco Rodrigues e Ricardo Damil ambos aos comandos das excelentes Husaberg TE 125, terminaram no pódio do enduro juvenil.

O enduro juvenil  preparado pelo Paulo Melicia nas instalações da Enduro Code foi um sucesso concebido a medida dos mais pequenos, duas voltas a um pequeno percurso onde os mais novos realizaram três especiais ET, CT e XT.

Nada foi deixado ao acaso, até um brifing com explicação da sinalética utilizada nos Enduros e formato da prova.

De facto uma iniciativa que muitos clubes nacional deveriam tomar como exemplo pois este será um caminho para  o crescimento da modalidade.

Texto: www.turresoffroad.com
Fotos: ModoJ

segunda-feira, 23 de abril de 2012

"Open Days" - Enduro Juvenil revelou futuros pilotos


Realizou-se este fim de semana o primeiro "Open Days" no Enduro Code.
Enduro Juvenil, Expositores, Test Drives, show de Enduro e Trial, tudo isto no Centro de estágios de Enduro, Enduro Code, em Ferreirinha - Gondomar.


No Enduro Juvenil participaram 9 jovens pilotos, todos acompanhados pelos pais ou pelo seu responsável. Este mini Enduro consistiu em fazer duas voltas a um pequeno percurso de 3km na envolvente ao centro de estágios, de maneira a terem contacto com a sinalética usada nas provas de Enduro.

Pelo meio tinham as três especiais cronometradas do Enduro, fazendo primeiro uma pequena parte da nova Enduro Test disponível no Enduro Code, depois entravam na Cross Test fazendo a sua totalidade, para terminar tinham uma mini Extreme test, com alguns obstáculos com dimensão adequada e apenas para terem também o contacto com a dificuldade.

No final todos terminaram a prova e estavam bastantes satisfeitos pela experiência que lhes foi proporcionada pelo Enduro Code.


parque de expositores, entre marcas de motos e produtos/serviços offroad, também obteve uma boa adesão para esta primeira edição. Para os test drives estiveram presentes a Turres OffRoad/Husaberg e a GasGas, disponibilizando vários modelos para o publico presente poder testar.

A parte da tarde foi dedicada ao espectáculo, João Ribeiro e João Vigário fizeram um treino na Cross Test e depois ainda brindaram o publico com umas habilidades na Extreme Test, seguindo-se uma demonstração de trial pelo piloto GasGas Antonio Alfonso.

Um dia bem passado em volta do tema ENDURO e que certamente será para repetir.
Ficando desde já convidados a conhecer as excelentes instalações e recursos deste centro de estágios de Enduro, estando preparado para receber miúdo e graúdos.

Video da nova Especial de Enduro disponível no Enduro Code.



Texto: Joel Santos
Fotos: Modo J

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Lançamento da Revista digital "Turres Offroad"

Em Breve Revista digital Turres Offroad , tudo sobre a escola de enduro e as suas actividades e muito mais, online a partir de Maio de 2012.

terça-feira, 17 de abril de 2012

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Open Days do Enduro Code - Uma boa oportunidade para expor e ser visto

O centro de estágios de Enduro, Enduro Code, vai promover no próximo dia 21 de Abril, um dia de portas abertas e uma prova de Enduro Juvenil.

Expositores
De salientar neste evento, é a possibilidade dada a todos expositores interessados em mostrar os seus produtos, dentro do tema offroad, não havendo custos para participar, bastando levar o material e montar.
Certamente uma mais valia e boa oportunidade em tempos de crise, para expor e ser visto.


Podem enviar um email para enduro.valongo@meliciasteam.com, com informação do que planeiam levar e espaço necessário, ou contactar o número 939535208.


Publico
Quem se deslocar no próximo Sábado às instalações do Enduro Code, além de assistir à mini prova de Enduro dos mais novos, vai poder ver e experimentar algumas motos, pois já está confirmada a presença de algumas marcas, as quais vão realizar Test Drives de vários modelos. Além de muitos outros produtos e serviços Offroad interessantes para se conhecer.


Toda a informação em: www.meliciasteam.com

Como Chegar ao Enduro Code

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Movimento de Apoio ao Henrique Venda

Infelizmente este é um caso verdadeiro.
O ValeDosDuros.com faz um apelo a todos para que ajudem o Henrique, com um pouco de cada um chega-se a muito.


Henrique Venda sofreu um grave acidente em Marselha (França ), quando representava Portugal numa prova do campeonato europeu de Supercross. Logo no local foi possível verificar que a situação era grave, acabando por ser rapidamente transportado para o hospital local, onde foi diagnosticado um traumatismo craniano grave.

O acidente aconteceu a 16 de Outubro de 2010, quando Henrique Venda se apercebeu da queda de um piloto e não saltou, enquanto que o piloto que vinha imediatamente atrás de si não avistou a queda e saltou, aterrando em cima do piloto algarvio.

Venda permaneceu em estado de coma no Hospital Norte de Marselha 2 meses e um dia, até ter sido estabilizada a sua situação clinica, permitindo assim o transporte do piloto para solo português.
Desde então, foi sempre acompanhado por uma equipa especializada, que garantiu alguma recuperação da sua situação.
A caminhada tem sido longa, com o objectivo de recuperar algumas das suas capacidades motoras que permitam alguma qualidade de vida para o Henrique e sua família.


QUE LIMITAÇÕES?
O Henrique, apesar de manter o seu nível cognitivo num estado extremamente lucido, continua com enormes dificuldades a nível motor, estando com grande parte do corpo paralisado, e não conseguindo ainda comunicar através da fala. Presentemente, a sua comunicação é feita através de um quadro, onde HV responde “Sim” ou “Não” às perguntas que lhe são colocadas, estando completamente dependente de outras pessoas para qualquer acção normal.


QUE FUTURO?
A nível clinico, o seu desenvolvimento tem sido muito positivo, mas são pouco visíveis as evoluções que o Henrique tem tido. Por isso, e estando agora a analisar todas as possibilidades para ajudar a melhorar a vida do nosso amigo Henrique, a possibilidade que ganha mais força é a tentativa de levar o Henrique até Cuba, para ser acompanhado pelas conceituadas equipas de fisioterapeutas, que trabalham 24 sobre 24 horas na recuperação, na qual se espera que o Henrique possa ter o desenvolvimento que permita recuperar toda a sua autonomia.

Este movimento de apoio ao Henrique Venda, tenta agora angariar fundos para ajudar a família do Henrique a suportar as avultadas despesas a que será sujeito no seu futuro, bem como a obras na casa do Henrique, para que ele possa estar periodicamente no seu lar.

- De realçar também que para além da ajuda monetária também procuramos ajuda a nível informativo, quem souber de casos idênticos, médicos, medicinas alternativas, nós procuramos também ajuda nesse sentido. Qualquer tipo de ajuda é bem-vinda.


CONTRIBUA, NEM QUE SEJA COM 1€ ! TODA A AJUDA É BEM VINDA!


CONTA SOLIDARIEDADE:
NIB: 0033-0000-45402020015-05

Para aqueles que vivem fora de Portugal e querem ajudar Henrique, aqui ficam os dados
- IBAN : PT 5000 33 0000 45402020015 05
- SWUIFT: BCOMPTPL
Banco Comercial Português


INFORMAÇÃO GERAL
Imagens do acidente (AVISO: as imagens podem ferir a sensibilidade de algumas pessoas)
A partir do minuto 2.35m.


quinta-feira, 12 de abril de 2012

"Sprint Enduro", será este o futuro do Enduro em Portugal e não só?

Numa altura em que cada vez mais existem condicionantes para a realização de provas e pratica do Enduro em Portugal e não só, em Inglaterra foi criado o SPRINT ENDURO. Este Campeonato é tutelado pela federação inglesa (ACU) e organizada pela GMC Events Ltd.

A prova consiste apenas na realização das Especiais cronometradas do Enduro num único local, sendo que cada piloto faz entre 7 a 8 passagens nas mesmas de modo intercalado, para no final obter uma soma dos tempos como num Enduro normal, mas não tem percurso nem tempos entre especiais.
Este modelo de provas abre assim portas também às motos de Motocross, que podem assim participar num "Enduro" em circuito fechado.

Fica a pergunta no ar, será este também o futuro do Enduro em Portugal?
Vejam os vídeos do Campeonato Britânico e leiam os traços gerais do funcionamento destas provas.


quarta-feira, 11 de abril de 2012

Troféu HUSABERG | Turres Offroad - CREN 2012


A  Turres Off Road Lda - Escola de Enduro, com o apoio da  Sociedade Comercial do Vouga, Lda, importador e distribuidor oficial das motos HUSABERG para Portugal irá realizar uma acção de apoio aos pilotos participantes em provas do Campeonato Regional de Enduro Norte 2012.

Toda a informação : Regulamento Trofeu Regional Enduro 2012

Sem duvida que se trata de uma excelente iniciativa de dinamização da Turres OffRoad e de todos os seus patrocinadores. Para os pilotos Husaberg é mais uma forma de terem algum mediatismo e competirem entre sí num troféu mono-marca.

Texto: Turres OffRoad
Fotos: ModoJ Fotografia

CREN2012: KimotoGO|Sherco no pódio


Press Release: www.kimoto-pt.com
Fotos: ModoJ e DR

terça-feira, 10 de abril de 2012

Estágio anual de Enduro da FMP 2012


Vai-se realizar nos dias 14 e 15 de Abril o ESTÁGIO DE ENDURO promovido pela Comissão de Enduro da Federação de Motociclismo de Portugal.
Pedro Mariano - Presidente da Comissão de Enduro.

Este ano o local será o Centro de Estágios do Team Bianchi Prata, sita na Quinta do Marinheiro, R. do Marinheiro, Lugar de Campos, nº 594 na Freguesia de Santo Isidoro - 4635-275 Marco de Canaveses.

Todas as acções serão monitorizadas por Pilotos do nosso Campeonato Absoluto (Paulo Felicia; Diogo Ventura; Paulo Gonçalves e Hélder Rodrigues), sendo coordenado por Pedro Mariano. Os pontos de incidência serão técnicas de condução, travagem, transposição de obstáculos e progressão. Solicita-se que tragam sapatos e roupa desportiva além dos equipamentos de moto. Haverá ainda uma palestra sobre regras de enduro e de hábitos alimentares antes e após as corridas.

Foto: Estágio anual de Enduro 2011

Os estágios são abertos aos pilotos da CLASSE VERDES e OPEN que frequentem com regularidade o Campeonato Nacional de Enduro e que sejam obviamente possuidores de licença desportiva de ENDURO (2012).

O Programa do estágio está assim elaborado:
Sábado
8h – recepção dos pilotos
9h30m – Palestra sobre o enduro e avaliação física de cada piloto
11h – técnicas de posição de condução e demonstração dos monitores
13h- almoço volante
14h – aplicação das técnicas aprendidas
15h – técnicas de transposição de Trialeiras e demonstração dos monitores
16h- aplicação das técnicas aprendidas
17h – especial extreme, demonstração dos monitores
17h30m - aplicação das técnicas aprendidas
18h30m – final 1ºdia
20h – jantar em restaurante na vila

Domingo
8h-Pequeno almoço
9h – Inicio da simulação de um enduro
13h – almoço volante
14h- correcção de erros cometidos nas especiais
15h – nova tomada de tempos da Ct e XT
17h – entrega de diplomas e resultados da avaliação física e concelhos do PT
18h – final do estágio

Para se inscreverem, os pilotos devem contactar a FMP através de fax, e-mail (fmp-cristina@netcabo.pt) ou carta dirigida ao Presidente da Comissão de Enduro (Pedro Mariano) o mais breve possível pois as inscrições serão forçosamente limitadas (falta de acomodações).

Fonte: Federação de Motociclismo de Portugal - www.fmportugal.pt
Fotos: ModoJ

domingo, 8 de abril de 2012

Mundial de Enduro Vale de Cambra 2011: Um ano depois

Hoje lembraram e bem.
Um ano depois dos Duros do Sport Clube de Cambra terem montado o GP de Portugal de Enduro. Pouco mais de um mês e muito sacrifício, mas no final valeu a pena.
Uma prova organizada por amigos que gostam mesmo é de Enduro.

Foto: Parte da equipa organizadora da prova
PS: Oito provas do Nacional de Enduro e duas do Mundial já estão, quem sabe um dia o objectivo não passa pelos International Six Days of Enduro (ISDE)! :)




sábado, 7 de abril de 2012

Apresentação do Renato Silva

Vejam o video de apresentação do jovem Piloto de Motocross, Renato Silva.

Foto: Renato Silva

O jovem Oliveirense está a iniciar este ano um projecto ligado ao Motocross, fazendo as provas do troféu Romoto e algumas do Nacional. Para permitir a sua evolução nesta modalidade e continuar este projecto desportivo, o Renato tem já como parceiros a CAMPOS MOLDES como principal Patrocinador e os apoios da ACMOTOS, MODO J - FOTOGRAFIA, VALEDOSDUROS.COM.

Mas os apoios nunca são demais e fazem falta, por isso serão sempre bem vindos novos apoios e parcerias.

Video de Apresentação do Renato Silva

Um agradecimento especial ao Luís Andrade pela realização do video, aproveitem e visitem a página de Facebook do Luís para conhecer e acompanhar os seus excelentes trabalhos.

quinta-feira, 5 de abril de 2012

CREN2012: Enduro Marco de Canaveses


Após a realização da segunda prova do CREN 2012 (Campeonato Regional de Enduro Norte), em Marco de Canaveses, que terminou com alguns problemas já conhecidos em comunicado oficial da organização, resta ficar com o que de melhor se passou nesta prova, transmitido pelas imagens do video oficial do evento e pensar já na próxima prova do calendário.

Chaves irá receber a 6 de Maio a caravana do Enduro Amador, onde pilotos e equipa, podem estar certos que vão ter uma grande festa do Enduro, como já o foi no ano transacto.


O melhor do Enduro Marco de Canaveses

quarta-feira, 4 de abril de 2012

O Regional de Enduro continua, próxima prova CHAVES



Mais uma prova à porta, desta vez num local que deixou saudades do ano anterior. A festa vai ser grande, até para compensar os últimos desaires.

"Licenças e GNR desta vez estão contratados e certamente vão ajudar na parte do porco."

Chaves promete ser mais um local de reunião das perfeitas condições para a prática de enduro, com 3 especiais cronometradas e 30km's de percurso, é o que vos espera. No final será feita a festa com o tradicional porco no espeto.

Ficamos aguardar-vos por cá.

Info: www.meliciasteam.com

terça-feira, 3 de abril de 2012

CREN2012: Comunicado Enduro Marco Canaveses



Antes demais, queremos explicar o porquê de colocar o comunicado hoje e aqui, tal motivo prende-se com o aconselhamento de advogado responsável pelo processo do qual estamos a ser alvos, melhor dizendo, que eu Paulo Melicias estou a ser alvo.

Depois queremos dizer, que nesta organização não há cobardes nem meninos. Se dissemos a todos para ir embora o quanto antes no dia da prova, foi porque fomos aconselhados pelas autoridades a fazê-lo, numa
tentativa de não piorar a situação e não prejudicar ainda mais os intervenientes, quer os da organização quer os participantes. No final do evento não esteve presente toda a organização, não por terem fugido, mas sim por estar no posto da Gnr a tentar apaziguar a situação.

Posto isto, passamos aqui explicar a serie de acontecimentos que culminou no desfecho já sabido.

1. A organização do CREN tenta sempre reunir todas as condições, quer logísticos quer em termos legais, sendo que para este efeito na prova do Marco não iriam ser usadas as vias publicas. Aconteceu que no dia anterior à prova foi-nos negado a possibilidade de passar num terreno, obrigando a passar com a prova em 1000 metros de via publica.

2. A organização local teve o cuidado de falar com todos os proprietários dos terrenos por qual a prova passou. No entanto, à GNR chegou uma queixa relativamente à passagem da prova por terrenos não autorizados pelo queixoso .Ora tal facto não se veio a verificar uma vez que depois de se analisar bem as queixas não eram fundamentadas.

3. No entanto, uma vez que houve a presença da GNR no local, coube às autoridades como procedimento normal  averiguar a legalidade do evento. O qual, nós estávamos cientes desde do meio da semana passada que seria completamente impossível obter as licenças obrigatórias, no entanto confiantes que uma vez que tínhamos o acordo de todos os proprietários bem como o apoio da Junta local, poderíamos ter algumas garantias na realização da mesma, levando à decisão da realização da Prova.

4. Chegada da GNR ao Paddock e depois de apresentar os documentos do Diretor de Prova, os seguros de responsabilidade civil e de acidentes pessoais dos participantes, foi-nos proposto pelo Sr. Comandante da GNR duas alternativas:

- Ou encerramento imediato da prova e uma hora para sair e limpar todo espaço;
- Ou continuava a prova e ia haver uma fiscalização minuciosa a todas as viaturas na saída do paddock, estando ainda a incorrer num crime de desobediência.

5. Postas estas condições, foi unânime pela organização o encerramento da Prova.

Queremos também deixar claro o seguinte:

Desde do ano passado que tentamos trabalhar com a Federação de Motociclismo de Portugal no sentido deste Campeonato ser apoio pela Federação. No entanto não tem sido possível chegar a um consenso, uma vez que a ideia do Regional é tornar mais acessível a pratica deste desporto, o qual defendemos que deve haver alguma abertura para o cumprimento ou não de algumas regras. Claro que o não apoio da Federação, a qual não criticamos uma vez que é normal quererem que o regulamento seja cumprido, torna a situação do CREN mais difícil.

A obtenção das licenças para realização das provas do CREN, dependendo de cada Câmara Municipal, pode ser necessário pareceres da GNR, entidades florestais, entidades responsáveis por zonas protegidas. É nosso objectivo cumprir com o que está legalmente imposto. No entanto sabemos nós, que algumas vezes a obtenção de determinados documentos neste país não é fácil, para além disso temos em conta que alguns dos participantes também não estão a cumprir completamente com a lei (seguros e matriculas), por isso tentamos sempre fazer provas aonde esse risco esteja diluído.

Mas como é notório risco existe sempre e se em todo o Campeonato do ano anterior não aconteceu nada de extraordinário no que diz respeito à legalidade das provas, este ano se aconteceu, pedidos desculpas pelo facto e apelamos à vossa compreensão. No entanto tudo faremos para que nada parecido aconteça no que resta do campeonato.

Quanto ao desfecho em termos desportivos da prova. Decidimos que deveríamos aproveitar o que a prova nos deu. Sabendo nós que poderemos estar a cometer algumas injustiças em termos de resultados. Mas pensamos nós ser a única forma de prosseguir com o campeonato.

Sendo assim iremos contabilizar o seguinte:

- A classificação atribuir aos consagrados terá em conta as passagens em todas as especiais uma vez que todos as fizeram.
- As classes E1, E2, E3, Veteranos e Senhoras, será tendo em conta as passagens pelas especiais apenas da primeira volta.
- Em nenhuma das classes será postas penalizações dos postos de controlo horário.

Queríamos ainda referir que tivemos em mente a realização de um segundo enduro para compensar este, no entanto como devem compreender para alem da dificuldade logística existe uma dificuldade legal que é difícil ultrapassar devido aos acontecimentos.

Queremos assim nos despedir do Marco, destacando as excelentes condições para a prática da modalidade, partindo agora para novos rumos.

“O caminho faz-se caminhando” e espero que todos queiram caminhar comigo.
Paulo Moreira (Melicia)

Mais informação e resultados em http://www.meliciasteam.com/

Texto: Organização do Enduro Marco de Canaveses - CREN2012 - MeliciasTeam
Fotos: ModoJ

CREN2012: Onboard nas Especiais do Enduro Marco de Canaveses

Extreme Test


Enduro Test

EWC2012: Resumo do 2º dia do GP da Argentina